Blog Biologia | Prof. Fernando Belan
 
 
 
 
Publicidade
Vacina brasileira contra a Aids será testada em macacos
Cientistas da USP (Universidade de São Paulo) começarão a testar no mês que vem em macacos uma vacina de DNA contra o HIV. As cobaias, que não são capazes de contrair o vírus, servirão para avaliar a segurança do produto e sua capacidade de ativar o sistema imune.

http://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2013/08/1321896-vacina-brasileira-contra-a-aids-sera-testada-em-macacos.shtml
Como os anabolizantes agem no corpo humano?
TOMANDO BOMBA
Os esteroides anabolizantes são substâncias sintéticas - criadas em laboratório - que imitam o hormônio masculino testosterona. Existem vários tipos de "bombas" que podem ser ingeridas ou injetadas no corpo de quem quer acelerar os resultados da malhação, aumentando a massa muscular rapidamente

POR ÁGUA ABAIXO
Ao cair na corrente sanguínea, os esteroides se espalham por todos os órgãos e tecidos do corpo. Nas células que compõem os músculos ocorre muita retenção de líquidos e, consequentemente, o inchaço da musculatura. Esse é o primeiro passo para ficar bombadaço

Leia mais
O sal de fruta, que combate o mal-estar, tem sal e fruta mesmo?
Sim, o remédio mistura ácidos extraídos de frutas com uma composição de sais: bicarbonato de sódio e carbonato de sódio - o cloreto de sódio, que é o sal de cozinha, não entra na fórmula. Um dos principais ingredientes do sal de fruta é o ácido anidro, que "está na maioria das frutas, sobretudo em cítricos como o limão e a laranja, sendo responsável pelo sabor ácido e refrescante do produto, explica Gilberto de Nucci, professor de farmacologia e biomedicina da USP. Melaço de cana e sucos de frutas como tamarindo, abacaxi e uva são as principais matérias-primas. Muita gente, aliás, pensa que o … Leia mais
Nesta aula do BIOLOGIA MAIS, o Sistema Cardiovascular é abordado artérias, veias, capilares, ciclo cardíaco, frequencia
Nesta aula do BIOLOGIA MAIS, o Sistema Cardiovascular é abordado. Funções do sangue, coração, circulação dos vertebrados, cavidades cardíacas, válvulas e coronárias compõem essa
Por que às vezes nosso espirro
Simples! Porque a vontade passa. Mas, para entender por que ela passa, é preciso, antes, saber que o espirro é um mecanismo de defesa do nosso nariz contra partículas ou substâncias que causem irritação na mucosa nasal - da mesma forma que a tosse é um mecanismo de defesa dos nossos pulmões. Poeira, pólen, pelo de animais, ácaros ou substâncias voláteis, como perfumes e produtos de limpeza, são alguns dos agentes causadores do espirro. Quando essas substâncias entram em contato com a mucosa do nariz, provocam irritação e acionam no organismo um mecanismo de defesa para expulsá-las. "Ao … Leia mais
O BIOLOGIA MAIS revisa nesta vídeo-aula a FISIOLOGIA do sistema respiratório, transporte dos gases, pressões parciais de O2 e Co2, saturação da hemoglobina, controle da respiração, curva de saturação (efeito Borh) e compara hemoglobina do adulto, fetal e mioglobina. Termino falando dos problemas do
O BIOLOGIA MAIS revisa nesta vídeo-aula a anatomia do sistema respiratório, todos seus componentes e função de cada parte. Expilca também o processo de hematose que ocorre nos alvéolos e por fim aborda os movimentos de inspiração e
Por que picada de pernilongo coça?
A coceira é fruto de uma reação alérgica e de defesa do nosso organismo contra a picada do danado do inseto. Quando um pernilongo nos pica, um pouco de sua saliva, contendo anestésicos, anticoagulantes e outras substâncias, é injetada em nossa pele. Imediatamente, nosso sistema imunológico entra em ação e células "sentinelas" chamadas mastócitos liberam histamina e outros agentes de defesa para combater a invasão. A histamina eleva a circulação de sangue no local, o que deixa a pele vermelha e inchada, mas também aumenta a presença de células protetoras no local. Só que um efeito desagradável … Leia mais
O que é esclerose múltipla?
A esclerose múltipla é uma doença neurológica que afeta milhares de pessoas no mundo. Ela se caracteriza pela deterioração do estrato mielínico em intervalos irregulares ao longo dos neurônios. Nos locais onde ocorre a deterioração surge um tecido de cicatrização. Essas alterações interferem na condução dos impulsos nervosos, e a pessoa afetada sofre perda de coordenação, tremores e paralisia parcial ou completa de partes do corpo.

As causas dessa doença têm sido muito investigadas, mas ainda não são totalmente compreendidas. Parece ser um tipo de doença autoimune, na qual o organismo … Leia mais